Vejo luzes

Já estou na Doutrina há mais de 15 anos. Já li vários livros e faço minhas irradiações sempre nos horários estabelecidos. Desde o final de 2002 tem algo acontecendo que eu estou protelando em escrever para vocês, mas hoje exatamente às 20:00h voltou à acontecer. Então não pensei duas vezes para lhes escrever.

Já é a quarta vez que vejo uma luz alaranjada em minha sala; hoje foi a quinta. Eu me emociono só em lembrar das luzes, é uma tonalidade e uma clareza que jamais vi. Acredito que nem os computadores poderiam refletir a tonalidade que vejo; nem combinando milhões de tons que sei que é possível fazer na computação gráfica. É irreal, não consigo explicar e acontece sempre à noite antes e, às vezes, depois da irradiação. Eu acredito que sejam espíritos de luz que estão por perto, mas queria ter a opinião de vocês.

Outra coisa em ... completei 31 anos. Às 05:00 da manhã meu pai apareceu em meu sonho e me disse que veio me dizer parabéns, e meu deu um beijo na testa, e eu acordei feliz com uma sensação de realização indescritível, e ele já partiu há três anos. Será que ele veio mesmo?


A luz que você vê pode ser devida à presença de espíritos do Astral Superior. O fato de vê-la demonstra que você tem desenvolvida, ou está desenvolvendo, a mediunidade da clarividência. Nada para se preocupar, uma vez que tem os conhecimentos explanados pelo Racionalismo Cristão. Sabe, portanto, que isso é um fato natural, associado à nossa evolução espiritual.

Quanto ao seu pai, ou ele já reencarnou ou decidiu, por conta de seu livre-arbítrio, trabalhar em plano astral. Neste caso, estará sempre vigiando e emitindo suas irradiações para vocês. Não pense muito nele, para não atrapalhar o seu trabalho, mas, sempre que pensar nele, faça-o com carinho recordando-se dos bons momentos que tiveram juntos.

De "Vejo luzes" para a página desta seção

Copyright©2005 racionalismo-cristao.org.br. All Rights Reserved