Optei por ficar solteira

Tenho 38 anos e sou solteira. Namorei um rapaz vários anos; ele que era alcoólatra, por isto eu não quis casar. Tive outros relacionamentos, mas sem grandes envolvimentos. Gostaria de casar e ter filhos, mas num relacionamento de paz, respeito, confiança e trabalho; como não encontrei, optei por ficar solteira. Estarei errando se não tiver filhos e nem formar um lar?


Ao encarnar, o espírito vem com intenções de viver a vida terrena e, parte dela, é constituir um lar, ter filhos e educá-los. Porém, nem sempre encontra as condições propícias para realizar esta parte de suas aspirações. Neste caso, permanecem solteiros, pois, além de o casamento ser uma questão de livre-arbítrio, acham melhor o celibato do que um mau casamento. Nada de errado nessa atitude.

Há muitas formas de se tirar proveito espiritual da encarnação. Não faltam oportunidades para burilar nosso caráter, fortalecer nossa vontade, cumprir os nossos deveres.

Assim, não fique se angustiando com a idéia de que está errando em não se casar. Procure ter uma vida exemplar, tanto na conduta pessoal como na profissional. Mantenha seus pensamentos elevados, estudando e raciocinando.

Leia e medite sobre os cristalinos ensinamentos racionalistas cristãos consolidados na obra básica Racionalismo Cristão e desdobrados em muitas outras disponíveis gratuitamente nos sites do Racionalismo Cristão. 

De "Ficar solteira" para a página "Família"

De "Ficar solteira" para a página "Perguntas-Respostas"

Copyright©2005 racionalismo-cristao.org.br. All Rights Reserved